A Coleção Capadócia ganhou produtos indoor.

 

“Tão cheia de magia quanto a própria Capadócia, é o sonho de voar. 
E o balão é a materialização mais poética desta fantasia. A bordo de um pequeno cesto, suspenso a centenas de metros, é difícil não se sentir refém da liberdade. Um misto de aventura e entrega. Se me perguntarem o que os balões fazem?

Mudam as pessoas.

De um ponto a outro e seus pontos de vista.”

Roque Frizzo

A Coleção Capadócia ganhou produtos in door assinados por Roque Frizzo.

As salas de estar ganharam atraentes sofás e poltronas Capadócia Balloon. Com tecidos costurados em gomos que trazem para dentro das salas de estar o conforto e a beleza da coleção que nasceu com peças inshade.

As adequações ergonômicas e de materiais proporcionam forma e conforto perfeitamente equilibrados, multiplicando as possibilidades de acabamento e de uso de uma coleção já consagrada.

Seguindo a inspiração dos primeiros cestos de vime de Albino Saccaro, que embalavam garrafões. A Coleção Capadócia Balloon vai embalar sonhos e novas histórias dentro do seu Habitat.

Conheça mais sobre a coleção Capadócia Ballon em nosso site.

DSC_7244

DSC_72392

DSC_73132

 

 

 

Nova Saccaro Curitiba

Com 420m² de sofisticação e requinte a Saccaro Curitiba abriu as portas sob os comandos dos empresários Cassiano e Paula Zoller.

O novo espaço tem como destaque as coleções Palafita, assinada pelo designer Roque Frizzo e a Poltrona Patagônia do designer Bruno Faucz, além de produtos do Studio Saccaro e designers parceiros da marca.

O projeto da concept store foi assinado pelo escritório TRAÇO 68 e se destaca pelos amplos espaços, mais aconchegantes e intimistas. O paisagismo ficou a cargo do talentoso Wolfgang Schlogel.

Os eventos de inauguração começaram na segunda-feira com apresentação exclusiva para os jornalistas e imprensa. Na quinta e sexta-feira os anfitriões receberam o diretor comercial da Saccaro João Saccaro e importantes profissionais de arquitetura e design de interiores curitibanos.

Endereço: Alameda Dr. Carlos de Carvalho, 1024 – Batel, Curitiba – PR

Tel.: (41) 3205-9679

gerencia@saccarocuritiba.com.br

fachada-ctba

5

JoaoSaccaro-PaulaeCassianoZoller1

ARTE E DESIGN UNIDOS EM PROJETO SOCIAL!

campana1

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ontem recebemos uma importante visita na Saccaro: o designer Humberto Campana e Michell Lott, editor da Revista Casa Vogue conheceram nosso parque fabril em Caxias do Sul e alinhavaram, junto a nossa equipe de marketing e produto, os detalhes de uma parceria que promete render muito!

Unindo arte e design dos Irmãos Campana (@estudiocampana), com tecnologia, handmade e diversidade de materiais da Saccaro, e a chancela da Casa Vogue (@casavoguebrasil), surgirá uma peça exclusiva, que será apresentada no espaço da revista na SP Arte (@sparte), que acontece de 06 a 09 de abril, no Parque Ibirapuera, em São Paulo. Depois, ela será leiloada e o dinheiro arrecadado será revertido para o Instituto Campana (@institutocampana), que usa o design para beneficiar comunidades carentes.

#saccaro70anos #designhabitat #arteedesign #sparte #estudiocampana #institutocampana #casavoguebrasil

Projeto de Oscar Niemeyer foi totalmente restaurado e terá o conceito de resort urbano.

_ca_3494-1 _ca_3509-1 _ca_3503-1 _ca_3533-1

Hoje, dia do arquiteto, é a data escolhida pelo Hotel Nacional RJ reabrir suas portas, totalmente revitalizado. O prédio do Gran Meliá Nacional Rio foi projetado pelo nome mais importante da arquitetura brasileira: Oscar Niemeyer. Reconhecido em 1998 como patrimônio da cidade do Rio de Janeiro, renasce restaurado e mantém absolutamente todas as características de arquitetura original.

Depois de mais de duas décadas fechado, o Nacional reabre com a bandeira mais luxuosa da rede espanhola Meliá, referência em sofisticação internacional.

Suas instalações preservadas combinam as características da obra do mestre Niemeyer com design sofisticado, oferecendo aos hóspedes experiências únicas em um dos cartões postais mais conhecidos do Rio de Janeiro.

O Gran Meliá Nacional Rio conta com a assinatura do escritório carioca VOA-fachada, suítes, restaurante e bar do rooftop – e de Débora Aguiar, que concebeu o lobby o longe, o Bardot Pool Bar, o restaurante Sereia, o café Amaro e a área externa.

Destaque para as áreas externas, com produtos da coleção Sogno, Noronha, Mônaco, Gradiente e D´Azur.

Hotel Nacional Gran Meliá
Av. Niemeyer, 769, São Conrado, Rio de Janeiro, RJ
melia.com
Crédito das fotos: Denilson Machado

Equipe Saccaro.

Paulo Mendes da Rocha ganha Leão de Ouro da Bienal de Veneza

Arquiteto brasileiro vencedor do Pritzker receberá o prêmio no final deste mês

vitoria_55

O renomado arquiteto Paulo Mendes da Rocha, único brasileiro vivo vencedor do Pritzker (o prêmio “Nobel” da arquitetura), receberá um Leão de Ouro pelo conjunto de suas obras na Bienal de Arquitetura de Veneza 2016. O curador e arquiteto Alejandro Aravena, vencedor do Prizker deste ano, fez o anúncio nesta sexta-feira (6/5).

“Muitas décadas depois de ter sido construído, cada um de seus projetos têm resistido ao teste do tempo, tanto estilisticamente e fisicamente”, disseram os membros do conselho da Bienal. Aos 87 anos, Paulo Mendes da Rocha é reconhecido por sua emblemática produção, como o Museu Brasileiro da Escultura (MuBE) e a Praça do Patriarca, e por fazer parte da icônica geração de modernistas.

O arquiteto receberá o prêmio no dia 28 de maio, em cerimônia na Ca ‘Giustinian, a sede da Bienal. O evento antecede da 15ª edição, que será aberta ao público no mesmo dia.

Fonte: Casa Vogue | Por Amanda Sequin; Fotos Divulgação

Arquitetura surpreendente permite ver o mar do alto da floresta

Construção é suspensa para preservar vegetação nativa

casa-ubatuba-17

Na copa das árvores, 30 metros acima da praia: eis o endereço flutuante desta casa modernista criada pelo escritório SPBR Arquitetos, na Praia dos Tenórios, em Ubatuba, litoral de São Paulo. De todos os ângulos, a vista para o mar azul é um espetáculo singular. Não por acaso, o Trópico de Capricórnio passa ali perto, como se delimitasse o lugar de forma especial.

casa-ubatuba-18
A construção de 346 m² é acessada pelo topo, por meio de uma ponte que chega à rua. Ao olhar para baixo, é possível entender porque a obra é suspensa: foi erguida para preservar a vegetação ao redor, uma mata protegida por leis ambientais.

casa-ubatuba-15

Esse obstáculo inspirou os arquitetos a apostarem em três pilares de concreto para sustentar toda a morada. Quatro vigas sobre estes pilares penduram todas as lajes, uma ousadia arquitetônica de referências modernistas.

casa-ubatuba-14

O brutalismo da arquitetura e o minimalismo do décor ganham o equilíbrio da madeira, que abraça a casa em pontos estratégicos, com ripas. Panos de vidro e aberturas amplas trazem a leveza de uma casa de praia moderna. Um refúgio de clima despojado para os proprietários, um casal com dois filhos jovens, que passam as férias e fins de semana na piscina, a porção mais ensolarada do projeto.

casa-ubatuba-13

casa-ubatuba-12

casa-ubatuba-11

casa-ubatuba-10

casa-ubatuba-09

casa-ubatuba-04

casa-ubatuba-03

Fonte: Casa Vogue
Por Carol Scolforo; fotos Nelson Kon/ divulgação

A última casa de Frank Lloyd Wright

Residência curvilínea projetada pelo arquiteto está disponível por U$ 3.6 milhões

1

Frank Lloyd Wright assinou cerca de mil projetos, e o número de edifícios que o renomado arquiteto finalizou é ainda mais impressionante, totalizando 532. Em seus setenta anos de carreira nasceram hotéis, escolas, igrejas, complexos arquitetônicos e museus, todos com um estilo inconfundível. Entre essa míriade de criações está a residência Norman Lykes, em Phoenix, no Arizona, EUA, feita na mesma data em que o arquiteto deixou a vida, 1959.

2

Wright já havia trabalhado incessantemente nos rascunhos desse projeto junto a seu grande aprendiz, John Rattenbury, e até mesmo já havia escolhido o local ideal para sua construção. Arquiteto de fases, essa casa representa bem sua última voz, que abraçava as formas curvilíneas – como fez com o lendário museu Guggenheim.

3

Os 265 m² de área se integram as formas da natureza circundante no Palm Canyon, região de onde a casa tem vista privilegiada. Com três quartos e três banheiros, ela também conta com uma cozinha com bancadas desenhadas especialmente pelo arquiteto.

4

A família contratou Rattenbury para finalizar os desenhos de acordo com os desejos de Wright, e para comandar a construção, que só saiu do papel em 1967. Uma reforma, em 1994, também foi realizada por por ele, que expandiu um quarto e renovou o interior da casa. Hoje, ela está disponível por U$ 3.6 milhões.

5 6

7 8

9 10

11 12

Fonte: Casa Vogue

Por redação; fotos Top Ten Real Estate Deals/ divulgação

As formas mais simples muitas vezes escondem os projetos mais complexos

O escritório Shift Architecture Urbanism optou por uma arquitetura geométrica icônica para centro de museus na fronteira entre holanda e alemanha.

imagem2

As formas mais simples muitas vezes escondem os projetos mais complexos. Prova disso é o programa do escritório holandês Shift Architecture Urbanism para o centro de museus Museumplein Limburg, em Kerkrade, na Holanda. O projeto tornou-se rapidamente um marco na paisagem pelas formas geométricas simples, mas icônicas, que seus três edifícios assumem.

A escolha da geometria simples enfatiza a forma única de cada um dos volumes da praça: Cube, literalmente um cubo de 21 metros de dimensão; Columbus, uma esfera metade acima do solo e metade abaixo; e Beam, uma barra de 80 metros de comprimento elevada do chão por treliças. Os três edifícios somam-se ao já existente Continium Discovery Centre para compor centro cultural de 7500m² dedicado ao design, ciência e tecnologia.

Cube, o primeiro museu do país dedicado exclusivamente à exposições de design, permite máxima flexibilidade de expografias devido às suas inúmeras galerias distribuídas verticalmente. Os vários andares são conectados por lances de escada rotacionados, criando a ilusão de uma extensa cascata. Enquanto o interior conta com elementos pré-fabricados de concreto, valorizando a neutralidade de materiais, o exterior é revestido por uma cortina de aço que enfatiza o caráter vertical do edifício.

imagem

Columbus, notável por sua volumetria esférica realizada em concreto jateado, acomoda no subsolo o Earth Theatre, projeção realizada na superfície curva do edifício, com 16 metros de largura por 9 metros de profundidade. Na metade superior da esfera fica o cinema National Geographic 3D, o único da Europa.

imagem6

Já Beam, com seu extenso volume longitudinal, paira acima da praça central por meio de treliças em vermelho. Com o térreo cercado por vidro, a passarela funciona como conector entre a estação ferroviária e o centro da cidade, nos extremos opostos dos museus.

imagem5

Prezando a implantação de volumes soltos e claramente identificáveis no térreo, o Museumplein Limburg surpreende por conter uma elaborada rede de conexões entre os edifícios no subsolo, criando um amplo e contínuo espaço público. As escadas, pisos e paredes desta praça subterrânea foram realizadas em concreto tingido de vermelho, fazendo referência ao passado de mineração da cidade. O espaço conta ainda com um hall central, um pátio e um restaurante, minimizando o uso no nível do solo e permitindo mais áreas de livre circulação.

imagem3 imagem4

imagem9 imagem8

imagem7 imagem10
Fonte: bamboonet